quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

DO LADO DE FORA


 Fica em silêncio meu amor
porque nublado está o sol de uma cor eterna e
 sorrindo estão as águas de um grande rio que estremece
invadindo as chamas de nossas almas
para o eixo da terra que somos
E em uma tessitura de notas e sons
sou a que alimenta teu desejo
sou teu alento
 Impregnada estou de tua essência
do reflexo do teu amor - estou eu -
na fome que nunca se farta
do teu sangue que pulsa em minhas veias
De sua natureza sou a relva verde
felina em jaula do lado de fora
amor tomado de poder
bebida do teu do nosso prazer
Agora tira minha roupa
faremos juntos um caminho
desejando-nos sem decência
nesta fome insaciável
nesta fortaleza que ampara
a própria sanidade

DEL LADO DE AFUERA

Quédate en silencio mi amor
porqué el sol está nublado con un color eterno
 a sonrir estan  las aguas del gran río se que estremecen
einvadiendo las llamas del nuestras almas
como eje de la tierraque somos
y en una conyuntura de sonidos y notas
Soy a que alimenta tus deseos
soy tu aliento
Estoy impregnada de tu esencia
de tu reflejo de amor - estoy yo-
Hambre que nunca se satisface
es la sangre que corre en mis venas
De su naturaleza soy selva verde
felina en jaula del lado de afuera
amor tomado de poder
bebida de ti de nuestro placer
Ahora quítame la ropa
haremos juntos un camino
deseándonos sin decencia
en esta hambre insaciable
en esta fuerza que ampara
la propia cordura



16 comentários:

  1. Sensibilidade e musicalidade em seus versos, e muita sensualidade.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Cristal
    Poesia com grande sensualidade, muita raça e linda.
    Não recebeu meu e-mail?
    Estou aguardando sua resposta. Eu tenho parentes que moram na sua cidade. Quem sabe você os conheça...
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  3. Lindo, intenso e repleto de sensualidade. Bjus Raquel!

    ResponderExcluir
  4. Ah, Raquel...vim fazer uma visita s vc. E que poema intenso! Sensual à flor da pele.

    Lhe deixo votos de B.F.S. e um abraço
    poético de carinho.

    Véu de Maya

    ResponderExcluir
  5. Adorables letras mi querida Raquel, siempre es un placer leerte!
    Te dejo un fuerte abrazo

    _000000___00000___*
    00000000_0000000___*
    0000000000000000____*
    _00000000000000_____*
    ___00000000000_____*
    ______00000_______*
    ________0________*
    ________*__000000___00000
    _______*__00000000_0000000
    ______*___0000000000000000
    ______*____00000000000000
    ______*______00000000000
    _______*________00000
    ________*_________0
    _________*________*
    _________*_________*
    ____________________*
    ____________________*
    ___________________*
    Te deseo un hermoso fin de semana!

    ResponderExcluir
  6. WOWWW... USTED SIEMPRE TAN, TAN APACIBLE!!!
    BESOS

    ResponderExcluir
  7. Boa Noite Maninha Querida.
    Estou com saudades muitas saudades
    tudo na vida um dia passa assim certamente também passara as tormentas da vida.
    Lindo , muito lindo seu poema !!
    Alma poeta onde encontra tanta força para escrever?
    O melhor,, não responda essa força vem do Pai Maior.
    Cada verso transbordando um amor delirante fiquei feliz em ler mais um poema seu tirado com certeza da sua alma.
    Maninha, Deus te proteja eu não deixo de orar pode estar descansada
    eu também não esqueço de orar pelo seu pedido.
    Um beijo no coração carinhos na sua alma.

    ResponderExcluir
  8. Sensual e belo.
    Bom domingo
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  9. Deliciosos versos. Un placer leerte
    amiga Cristal.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  10. Grandioso poema,es un lujo pasar por tu blog y quedarse impregnada en tus maravillosos poemas,felicidades .Un beso

    ResponderExcluir
  11. A beleza da autora se renova com a sua poesia comovente e bonita.
    Beijo moça talentosa

    ResponderExcluir
  12. Mi querida Raquel, siempre es una maravilla entrar en tu blog con esas poesías de amor tan bellas.
    Te dejo mi bendición
    Tu amiga
    Sor.Cecilia

    ResponderExcluir
  13. Boa noite maninha.
    Demorei mais voltei muita coisa acontece na vida da gente de um dia para outro.
    Espero que tudo esteja indo de acordo com a vontade do Pai.
    Desejo tudo de melhor continuo orando por ti isso não esqueço.
    Deus esteja contigo beijos com saudades.

    ResponderExcluir
  14. Bom dia minha amada !!!!!
    Que encanto de poema é esse...traduzido de forma sensual que faz as palavras dançarem em versos mais do que rimados em nome do amor...
    Minha querida !!!!!
    O mundo se volta sempre quando o amor entra em ebulição e,seu poema chegou a isso...
    bjssssssssss

    ResponderExcluir
  15. Lindo poema,escrito com a maestria que lhe é peculiar.És uma poeta nata,o dom de escrever está em tuas veias,escreves como poucos o fazem sobre o amor romântico,parabéns.

    PS: Como pedistes assim que eu publicasse um texto novo,ei-lo,espero que gostes desse também:

    http://eltondasneves.blogspot.com.br/2013/03/volupia.html

    ResponderExcluir

Onde existe luz também existe sombras

Reticências

Reticências

Cristal de uma mulher!!!

Alma de poeta
coração de mulher,
por isso mesmo
vive a poesia
em sua magia
mais pura.

Tens também
por serdes
mulher-poeta
a sensibilidade
de um lírio
na pureza de
sua castidade.

A música mora
em seu coração
de natureza afroditiana,
a poesia em sua
forma mais liquida
dança devaneios
românticos em
sua alma feita
das fibras febris
da paixão.

Erotismo em
forma de mulher,
trovadora do
deleite sensual,
entoas em seus
lábios curvilíneos
os versos das canções
que exaltam o prazer
orgástico na sua mais
doce essência.

Cristal de uma mulher
onde as luzes do
regozijo da fêmea
o atravessam para
iluminarem o mundo
dos homens que delas
carecem desesperadamente.

Cisne branco que nada
soberbamente sob o
lago cristalino da
anima humana, pássaro
frondoso com canto de
sereia que arde em seu
peito encantando-me,
enquanto o escuto
e navego na nau das minhas
visões dionisíacas.

- ELTON SIPIÃO O ANJO DAS LETRAS.
sexta-feira, 7 de junho de 2013