sábado, 2 de março de 2013

MOMENTOS COM VOCÊ



 

Momentos que percorro teus instantes
viaja minha mente nas trilhas de 
teus labirintos interiores e é
ai que vejo na luz 
absinto
doce
perfumado
Entrego meus pensamentos a ti
sem cor
transparente
mas, indo sempre em tua direção
buscando tuas mãos para encontrar as minhas
e nesta busca te sinto te ato 


 Então águas cristalinas correm por todos
os lados de meus sentidos
afagando sintonias
ou em um tudo que o amor permite
e conquista
Agora a ti escrevo palavras como grãos
sob o estigma que germina uma interligação
fundindo em Um
- dois corpo -
que se mantém
unidos e apaixonados pela vida
Não se interrompe
perdura
eterniza
e em apenas uma fagulha
explode a paixão




Momentos que recorren tus instantes
viaja mi mente en las vías de
tus laberintos interiores y es
ahí que veo en la luz
ajejo
dulce
perfumado
Te entrego mis pensamientos
sin color
transparente
pero, yendo siempre en tu dirección
buscando tus mano para encontrar las mías
y en esta búsqueda te siento te actúo

Entonces las aguas cristalinas corren por todos
los lados de mis sentidos
acariciando sintonias
o en un todo que el amor permite
y conquista
Ahora a ti te escribo palabras como granos
debajo del estigma que germina una interconexión
fundiendo un Uno
- dos cuerpos -
que se mantienen
unidos y apasionados por la vida
No se interrumpe
perdura
eterniza
y en apenas una chispa
explota la pasión

Reticências

Reticências

Cristal de uma mulher!!!

Alma de poeta
coração de mulher,
por isso mesmo
vive a poesia
em sua magia
mais pura.

Tens também
por serdes
mulher-poeta
a sensibilidade
de um lírio
na pureza de
sua castidade.

A música mora
em seu coração
de natureza afroditiana,
a poesia em sua
forma mais liquida
dança devaneios
românticos em
sua alma feita
das fibras febris
da paixão.

Erotismo em
forma de mulher,
trovadora do
deleite sensual,
entoas em seus
lábios curvilíneos
os versos das canções
que exaltam o prazer
orgástico na sua mais
doce essência.

Cristal de uma mulher
onde as luzes do
regozijo da fêmea
o atravessam para
iluminarem o mundo
dos homens que delas
carecem desesperadamente.

Cisne branco que nada
soberbamente sob o
lago cristalino da
anima humana, pássaro
frondoso com canto de
sereia que arde em seu
peito encantando-me,
enquanto o escuto
e navego na nau das minhas
visões dionisíacas.

- ELTON SIPIÃO O ANJO DAS LETRAS.
sexta-feira, 7 de junho de 2013