segunda-feira, 16 de julho de 2012

MARIPOSA



Sensual como uma flor
 seu néctar sacia a sede 
como doce
seu fruto é desejado
liberando gostos afrodisíacos


Vôo apreciado em poesias
amante das noites claras
borboleta aquecida 
nas madrugadas bordadas 
 entre a luz e a escuridão


Talvez  quando chegue o dia
no seu leito vazio
ela sonhe seu sonho
e desenhe os seus dias

Voa borboleta para o altar da vida
porque tem paliativo em desordem
mais em um dia de paz
soprará o vento
e voarás


MARIPOSA

Sensual como una flor
su néctar sacía la sed
como dulce
su fruto es deseado
liberando sabores afrodisíacos

Vuelo rico en poesías
amante de las noches claras
mariposa ardiente
en las madrugadas bordadas
entre la luz y la obscuridad

Talvés cuando llegue el día
en su lecho vacío
ella sueñe su sueño
y diseñe sus días

Vuela mariposa al altar de vida
porque tiene un calmante en desorden
pero en un día de paz
soplará el viento
y volarás


23 comentários:

  1. Borboleta de fogo
    Que o desejo incendiar
    De prazer e de gozo
    Que borboleta assim poder amar!

    sensual como uma flor
    Como doce fruto desejada
    Louca de amor
    Na flor pousada!

    Bom noite de segunda-feira para você,
    um beijo
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  2. La sensualidad y el erotísmo fluye en caudales de tu pluma Rachel.
    Te dejo un beso

    ResponderExcluir
  3. AHHHHHHHHH... QUÉ DELICADO TEXTO...

    ResponderExcluir
  4. Boa noite minha querida amiga !!!!!!
    Sinto muitas saudades de te ver nos blogs dos amigos...te vejo pouco e vc é uma pessoa maravilhosa ...
    No poetar vc está sempre nos surpreendendo ...
    bjsssssssssssssss

    ResponderExcluir
  5. Achei seu blog na blogosfera.
    E adoreii!

    Já estou te seguindo..
    Me visite tbm
    http://lidiepaulo.blogspot.com.br

    Beijocas
    Ótima Semana \º/

    ResponderExcluir
  6. Lindo e insinuante texto.


    Te mando afectuosos saludos australes.

    ResponderExcluir
  7. Quando este dia chegar,
    ela além de desenhar,
    verá no seu leito,
    muitos sonhas a se realizar!

    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Voará lindamente porque uma vez borboleta, sempre borboleta. Amei esse poema gostoso. beijos.

    ResponderExcluir
  9. Boa noite amiga querida !
    Sabia que na bilheteria da vida os ingressos para comprar um amigo se encontra nos atos e atitudes e dai nos humanizamos .Por isso que te fiz de minha amiga.
    F*E*L*I*Z***D*I*A***D*O***A*M*I*G*O***!!!

    ResponderExcluir
  10. Sonhar o sonho com delicadeza e sensualidade:)
    Belo como sempre.
    Bjo

    ResponderExcluir
  11. Bellísima forma de escribir poesía, llego por un enlace en otro sitio.
    Con tu permiso me quedo y te sigo, te dejo un fuerte abrazo desde Uruguay!

    ResponderExcluir
  12. Feito asa de borboleta meu coração vai batendo em movimento unico. A asa da borboleta se movimento e o fruto de seu movimento é levar a leve borboleta a um lugar. Mue coração assim tambem o é. Nas batidas unicas ele vai relembrando o tom de uma certa felicidade que por aqui passou de forma leve, feito borboleta. Nas asas da lembrança voei e eis que aqui cheguei. ah coração borboleta, como sou feliz por me dar asas e voar em direção ao lugar que eu nao poderia ter saido. Se meu coração tem asas, meus olhos tem lágrimas......

    ResponderExcluir
  13. As mariposas são sempre mágicas!
    Um grande abraço e meu carinho!

    ResponderExcluir
  14. Hoje lembrei de ti escritora
    que faz de cada palavra
    criada á imagem descrevi-da
    em metáforas com amor
    dentro da magia falada
    te abraço com fervor

    F*E*L*I*Z***D*I*A***D*O***E*S*C*R*I*T*O*R

    ResponderExcluir
  15. Magnífico poema.
    Gostei imenso das tuas palavras.
    Beijo, querida amiga.

    PS: Cristal, já não vinha aqui há imenso tempo... mas mais vale tarde do que nunca...

    ResponderExcluir
  16. Acabo de descobrir seu blog e adorei. Me alimento da beleza em todas suas formas; seu blog é lindo.
    Moro em Resende, sou idosa, ja tenho netos mas não desisto de perseguir tudo que é belo.
    Vou segui-la agora, BEIJOS Lenora

    ResponderExcluir
  17. Lenora seja muito bem vinda minha mais linda leitora.
    Tenho sempre comigo que as pessoas voam sempre em direções opostas , e assim sendo voam sempre em todas as direções chegando até meu coração.

    Beijinho amiga

    ResponderExcluir
  18. Você em Pauta

    Os amigos são como a água dos grandes rios meu belo e inesquecível amigo..ELAS VÃO COM O VENTO E VOLTAM COM A SAUDADE.
    Bom ter você de volta aqui comigo

    Um grande e saudoso beijo

    ResponderExcluir
  19. Voa borboleta voa, lendo o belo poema te sinto voar, em procura da paz.
    Beijos

    http://danielmilagredanieldaniel.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  20. Cristal de uma mulher:
    Muito obrigado por onsultar meu blog e comentar.
    Estou passando pelo seu agor,gosto de rever amigos e amigas e o que lhes pertencem.
    Suas apreciações aos meus muito me comovem. Gosto da comunicação.
    Abraço renovado
    chico miguel de moura

    ResponderExcluir

Onde existe luz também existe sombras

Reticências

Reticências

Cristal de uma mulher!!!

Alma de poeta
coração de mulher,
por isso mesmo
vive a poesia
em sua magia
mais pura.

Tens também
por serdes
mulher-poeta
a sensibilidade
de um lírio
na pureza de
sua castidade.

A música mora
em seu coração
de natureza afroditiana,
a poesia em sua
forma mais liquida
dança devaneios
românticos em
sua alma feita
das fibras febris
da paixão.

Erotismo em
forma de mulher,
trovadora do
deleite sensual,
entoas em seus
lábios curvilíneos
os versos das canções
que exaltam o prazer
orgástico na sua mais
doce essência.

Cristal de uma mulher
onde as luzes do
regozijo da fêmea
o atravessam para
iluminarem o mundo
dos homens que delas
carecem desesperadamente.

Cisne branco que nada
soberbamente sob o
lago cristalino da
anima humana, pássaro
frondoso com canto de
sereia que arde em seu
peito encantando-me,
enquanto o escuto
e navego na nau das minhas
visões dionisíacas.

- ELTON SIPIÃO O ANJO DAS LETRAS.
sexta-feira, 7 de junho de 2013